Saramago…

tumblr_n3b0cb2Ise1ql137zo1_500

Sempre decidi o tipo de posts que faço no meu blog de acordo com o tipo de dicas ou recomendações que tenciono fazer. Em termos de livros e escritores, apesar de ler bastante sempre fui muito selectiva quanto aos livros dos quais iria falar no blog. Nunca pensei fazer um post sobre Saramago ou sobre qualquer um dos seus livros, sempre achei e ainda acho que gostar de Saramago tem os seus “quês” de controverso. Eu gosto de Saramago, gosto muito. Gosto da frieza dele, da dureza, da liberdade e da crueldade nua que usa a cada palavra que escreve. O prémio Nobel da literatura fez com os seus livros (pelo menos com os que li) algo que admiro bastante, escreveu sem medo, sem pensar na aprovação do leitor e muitas vezes tentando desagrada-lo ao ou gozar com a sua critica contaste. Concorde ou não o mundo, considero toda essa frieza um pouco admirável. Lembro-me de uma citação que li e reli interpretando continuamente a crítica ao leitor inerente a cada palavra.

“A resposta também é simples, e vamos dá-la utilizando um termo actual, moderníssimo, com o qual gostaríamos de ver compensados os arcaísmos com que, na provável opinião de alguns, hemos salpicado de mofo este relato,” – As Intermitências da Morte, José Saramago

Comecei a ler Saramago por obrigação e vejo-me agora a ler por prazer em sentir aquela amargura indescritível.

Os livro de Saramago que li até hoje foram os seguintes, se quiserem alguma review especifica de algum deles sintam-se à vontade para deixar nos comentários que terei todo gosto em partilhar o meu gosto pelas palavras de Saramago:

  • Memorial do Convento
  • Ensaio sobre a Cegueira
  • As Intermitências da Morte
  • A Viagem do Elefante
  • O conto da ilha Desconhecida

See you soon, Ka.

Anúncios